Connect with us

O que você está procurando?

Alimentação

Mudanças semanais: o que acontece com o seu corpo após 28 dias de dieta

Nutricionista explica como a alimentação balanceada age no organismo ao longo de 28 dias. Mudanças no corpo são perceptíveis após 7 dias

28 dias de dieta: entenda o que acontece com seu corpo com uma alimentação balanceada
28 dias de dieta: entenda o que acontece com seu corpo com uma alimentação balanceada / Foto: Shutterstock
[PAGE TITLE]

Manter uma alimentação balanceada e adotar outros hábitos saudáveis pode exigir bastante esforço e, com isso, desanimar. No entanto, perceber as diferenças que essa nova rotina causa em nosso corpo e bem-estar é uma ótima maneira de encontrar motivação para continuar.

É importante destacar que uma alimentação balanceada está longe de ser uma dieta restritiva. “Na jornada de emagrecimento, uma alimentação saudável e balanceada é aquela que você consegue comer tudo o que gosta e atingir seus objetivos. Ao ter uma alimentação equilibrada, em que incluímos todos os grupos alimentares sem grandes restrições, conseguimos disponibilizar ao corpo todos os nutrientes necessários para ser saudável”, diz Matheus Motta, nutricionista responsável pelo programa VigilantesdoPeso no Brasil.

Matheus revela as principais diferenças que podemos notar em nosso corpo ao começar uma alimentação mais saudável e balanceada:

Advertisement. Scroll to continue reading.

1º dia

Já no primeiro dia é possível perceber uma melhora na concentração, como aponta o profissional. “Ingerir quantidades menores de açúcar, por exemplo, diminui os picos de glicemia, o que gera mais energia e foco”, explica.

7° dia 

Advertisement. Scroll to continue reading.

Após 7 dias, o corpo começa a se acostumar com as mudanças, entrando numa rotina e reduzindo o desejo por lanches e beliscos. Neste momento, fica mais fácil seguir com escolhas saudáveis. O nutricionista acrescenta que, ao controlar a quantidade de sal consumida nessa semana, é possível notar um desinchaço e uma folga nas roupas, graças à retenção de menos líquidos.

14° dia

Ao completar duas semanas, é comum sentir menos estresse. “Nesta fase, ao se alimentar de forma mais saudável, a glicemia está mais estabilizada, o que melhora o humor. Isso influencia também no controle de vontades e na compulsão alimentar”, explica Matheus.

Advertisement. Scroll to continue reading.

21° dia

Após 21 dias, já é possível sentir diferença na pele. “Adotar uma dieta equilibrada, faz com que você consuma os nutrientes necessários para formação de colágeno e redução de inflamações, como vitaminas, minerais, antioxidantes e gorduras saudáveis, melhorando ainda o sono”, esclarece o nutricionista. 

A diminuição de sal e bebidas alcoólicas na dieta ajuda a manter o corpo mais hidratado, causando diferenças na pele e no funcionamento dos órgãos. Além disso, a ingestão frequente de fibras auxilia na regulação do intestino, o que também reduz inchaços e desconfortos na área do abdômen.

Advertisement. Scroll to continue reading.

28° dia

Chegando a marca de 28 dias, o sistema imunológico está mais forte e, com a melhora do sono, você fica doente com menos frequência. Isso sem mencionar a diminuição dos riscos de doenças cardiovasculares e diabetes. “Graças aos consumo de menos açúcares refinados e gorduras saturadas, a diferença também pode ser notada na balança e, ao unir atividade física ao processo, ela fica ainda maior”, comenta Matheus.

O especialista destaca que notar a grande quantidade de benefícios adquiridos é um grande incentivo para continuar a evitar itens processados e fast-foods. “É importante parar para perceber e celebrar as mudanças conquistadas, isso ajuda a tornar a busca por bem-estar mais simples e prazerosa”, finaliza.

Advertisement. Scroll to continue reading.
Advertisement

Você também vai gostar

Insônia

Aprenda como os seus hábitos podem interferir diretamente durante no descanso

Emagrecer

Nutricionista revela pequenos segredos que vão deixar a sua dieta mais saborosa

Alimentação

Conheça os benefícios que a bebida pode oferecer para o seu bem-estar

Saúde Mental

Descubras os sintomas e o tratamento da "doença da falta de afeto"