Connect with us

O que você está procurando?

Notícias

Mesmo no inverno? 5 mitos sobre o protetor solar

O protetor solar só se usa no sol? O FPS pode ser somado? Especialista esclarece essas e outras dúvidas sobre o produto

Mesmo no inverno? 5 mitos sobre o protetor solar esclarecidos
Mesmo no inverno? 5 mitos sobre o protetor solar esclarecidos - Foto: Shutterstock

O protetor solar é um produto essencial para proteger a pele dos danos causados pelos raios ultravioleta (UV) do sol. Isso porque ele possui ingredientes que bloqueiam ou absorvem esses raios, prevenindo queimaduras solares, envelhecimento precoce e câncer de pele. 

Vale destacar também que a aplicação regular de protetor solar é fundamental para manter a pele saudável, pois minimiza o risco de danos celulares e alterações no DNA causadas pela exposição solar. No entanto, para que esses efeitos sejam sentidos é preciso usá-lo da forma correta.

Recentemente viralizaram na internet diversos conteúdos relacionados ao uso do protetor solar que contestam alguns de seus efeitos ou modo de uso. De acordo com a médica pós graduada еm dеrmatologia, Nicolly Machado, isto é perigoso, pois reduz o efeito do produto.

“Quando se usa o protetor solar, é fundamental seguir as orientações para que ele tenha o efeito desejado, caso não, a pessoa continuará exposta aos raios solares”, explica.

Principais mitos sobre protetor solar que circulam na internet

1  – Óleo de coco substitui o produto

“É errado usar óleos vegetais como protetores solar e até mesmo atribuir FPS a eles. O uso não possui qualquer fundamento ou propriedades que protegem a pele contra os raios ultravioleta. Opte sempre pelo protetor solar”, afirma a Nicolly.

2 – Protetor solar causa câncer de pele

“É justamente o contrário: o protetor previne o câncer de pele. Seu uso regular é comprovadamente eficaz na prevenção da doença e na melhora da saúde da pele”, diz a médica.

3 – FPS pode ser somado

“Essa é uma dúvida muito comum. Por exemplo, você usa uma base com FPS 20 e um com FPS 50, isso não significa que você teria um FPS 80. O FPS não é uma porcentagem que pode ser somada e sim quantas vezes mais a sua pele está protegida do que se estivesse sem o produto. Usando o mesmo exemplo da base e do protetor, seu FPS seria o de 50, pois o de 20 estaria incluso no maior valor”, explica a especialista.

4 – Pele negra não precisa de protetor solar

“Apesar de possuir mais melanina, a pele negra também precisa de proteção solar como qualquer outra. Afinal, a melanina pode escurecer áreas afetadas por agressões como acne e queimaduras, o que torna o uso do produto essencial”, argumenta.

5 – Só usar protetor solar no sol

“Esse é um dos maiores mitos, mas você também precisa usar o protetor durante o inverno e até mesmo dentro de casa, pois as radiações solares continuam incidindo mesmo nessas situações. Além disso, outro caso cada vez mais comum são as luzes azuis de aparelhos eletrônicos que também podem prejudicar a pele”, alerta Nicolly Machado.

Advertisement

Você também vai gostar

Alimentação

Frequentemente confundida com a intolerância ao glúten, a doença celíaca é uma condição autoimune que exige uma série de restrições alimentares

Alimentação

Baixa produção de colágeno interfere na saúde das articulações. Entenda qual o impacto do açúcar nesses casos

Doenças

Rio Grande do Sul registrou ao menos 17 mortes por leptospirose após enchente histórica atingir o estado. Veja os sintomas da condição

Notícias

Chegar “lá” traz benefícios para todo o organismo, o que pode ser estimulado nesse Dia dos Namorados. Veja os impactos do orgasmo na nossa...